quarta-feira, 27 de junho de 2007

Descansar é preciso

Não sei pq algumas pessoas têm de ser “ligadas em 220 volts”. Sei muito menos pq eu tenho de ser uma dessas pessoas. Estou há dois dias praticamente sem dormir; o corpo está pedindo arrego desde anteontem; a mente está tão cansada que estou “chamando urubu de meu louro”... e, simplesmente, não consigo (!!!) descansar. Até tento, mas quando saio da minha rotina de sete horas de sono diárias, dormir passa a ser minha tarefa mais árdua.

Na segunda-feira (25), fui a Barreirinhas (MA), portal de entrada dos Lençóis Maranhenses, cobrir a criação do Consórcio Turístico Integrado Lençóis/Delta/Jericoacoara. Foi uma experiência ótima. Assim como foi ótimo ver a Marta Suplicy, Ministra do Turismo, receber uma resposta à altura do seu fatídico e já lendário “relaxa e goza”; o secretário de turismo do Maranhão, João Martins, soltou a seguinte pérola: “ministra, desculpe-me o termo, mas garanto à senhora que nada nesse roteiro será feito nas coxas”. Uuuui!!! As pessoas que lotavam o auditório onde acontecia a solenidade se entreolharam e não conseguiram conter-se, soltando risinhos constrangedores (para a ministra e para si próprios). Mas também foi bom ver o gov. ser aplaudido de pé por essas mesmas pessoas, após um discurso simples, sem pompas ou palavras empoladas.

O que acabou comigo foi o percurso Teresina-Barreirinhas/Barreirinhas-Teresina. Chegamos à sede da reunião 12 horas após cruzarmos o Parnaíba rumo a Timon (um acréscimo de 5 horas em relação ao que estava previsto), dentro de uma “bestinha” desconfortável e apertada. Nos perdemos três vezes na rodovia e outras tantas em Barreirinhas. Às 2h30 da terça, apenas bêbados andavam pela cidade. Na falta de placas, o jeito foi seguir o que eles diziam. Após rodarmos muito, encontramos a tal Pousada Park Náutico. A cidade é pequenininha, desajeitada e muito confusa. Mas a avenida Beira-rio (um clássico!) e o convidativo (e sugestivo) Rio Preguiças, aliviaram um pouco o desgaste. Porém, o melhor estava por vir. A volta foi hilária!! Pane elétrica do carro da equipe da TV Cidade Verde (e conseqüente lotação máxima da “bestinha”), pneu furado, histórias do Brito Junior sobre o Bogéa, atrasos e mais atrasos. Mais 12h na estrada. Dessa vez, com um toque a mais de “aperto” e um toque a menos de “cochilo”. Para fechar com chave de ouro, fui a última pessoa a ser deixada em casa (calma, gente, não precisa ficar com pena de mim – até que foi legal).

Quando as pessoas estão realmente cansadas, elas deitam e dormem. Simples assim! Mas se saio da minha rotina, deito, fico pensando em um monte de coisas (até na morte da bezerra se não houver nada melhor para fazer) e dormir que é bom, nada. Esse negócio de achar que “para descançar temos a eternidade” é besteira. Durmo sete horas por noite, quase que religiosamente. Mas há horas em que o corpo e a mente pedem penico. E pedem também cama quentinha, travesseiro fofo e uma boa noite de sono (preferencialmente com uns 720 minutos ininterruptos de duração).

Vou tentar descansar mais uma vez. Bjo especial para o Garrincha (meu mais novo leitor assíduo - rsrs)!!!

5 comentários:

Morrer [de Rir] ... disse...

nossa... religiosamente,é?? =P bjuss!!

dalyne disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
dalyne disse...

só fez esse texto pq era a tática pra não ficar na cama, deitada, esperando o sono não vir...
tu adorou a viagem que eu sei!
deixa .de coisas, Vanessa!.


rsrs
Xêru!

dalyne disse...

postar tbm!

Dani disse...

Está procuramdo por hotéis? Acesse o site da RBH Praias: www.rbhpraias.com.br
Um portal diferenciado com excelente qualidade, um bom atendimento, ótimos preços e segurança.
É só clicar!!! Confiram!!