sábado, 16 de agosto de 2008

O povo sabe das coisas



Tem coisa mais útil do que aquelas geniais expressões populares que você jamais conseguiria criar, mas que definem exatamente o que você gostaria de dizer?? Pois bem, resolvi fazer um TOP FIVE delas (sim, totalmente aproveitando que o CQC e essas listinhas de cinco + estão na moda). Regressivamente, que é pra ser mais emocionante:


5. Para pessoas serelepes, que não sabem se controlar em situações de mínima euforia, que ficam de um lado para o outro: "Saracoteando (só pelo "saracoteando" já vale estar na lista) mais que bolacha em boca de velha".

4. Variações do clássico "mais por fora do que bunda de índio": "mais por fora que surdo em bingo" e "do que cotovelo de caminhoneiro".

3. Você de bobeira dando uma volta no shopping aí encontra aquele seu colega de ensino médio, recém-formado em Direito, que passou na OAB e agora está se preparando para o concurso so STF. Ele começa a te contar sobre todos os últimos 30 concursos que ele prestou, como foram difíceis, as questões difíceis, os gabaritos errados... pois bem, a conversa dele é o que se pode chamar de mais comprida que "esperança de pobre", que "suspiro em velório", que "cuspe de bêbado".

2. Passou no vestibular? Assinaram sua carteira depois de dois anos sendo explorado como estagiário? Desencalhou? Então você está "mais feliz que pinto no lixo" - e a variação "parecendo porco na lama", ou "parecendo puta em dia de pagamento de quartel".

1. Quando se está acabado - ou porque está muito cansado, ou porque tomou todas, ou porque tomou todas e está muito cansado: "só o pau da placa"; "só a capa do batman"; "chamando periquito de meu louro".



Um viva às mentes brilhantes que criam essas coisas e as fazem proliferar mundo a fora.

Beijing! ; )

Um comentário:

Admirável mundo disse...

Menina, eu tb super uso umas tipo "mais por fora que umbigo de vedete" e "mais pra frente que pinta de menino". Essa última é genial, se vc visualizar bem a pinta de um menino pequeno. hahaha

=x